quinta-feira, 4 de setembro de 2014

BCE - alguns problemas da resposta aos subcritérios

A resposta aos subcritérios é a última das 4 fases, mas a resposta a alguns dos subcritérios levanta novos problemas que em nada contribuem para a justiça e correta aplicação deste concurso e que acentuam o "concurso às cegas" e um novo rol de problemas a juntar a outros já indicados aqui, para além de uma plataforma que não funciona, é confusa, e de um manual de candidato que deixa muito a desejar. 

Alguns problemas da resposta aos subcritérios:


  •  os subcritérios aparecem ao candidato de forma aleatória não sabendo a que escola corresponde cada um, o que o impede de reclamar caso os mesmos não sejam justos e legais

  •   os subcritérios aparecem ao candidato de forma aleatória, não sabendo a que grupo de grupo de recrutamento se referem, caso tenha concorrido a 2 ou mais grupos, o que obriga o candidato a prestar falsas declarações num dos grupos pois as respostas estão condicionadas, por exemplo:



O candidato desconhece a que grupo se refere a pergunta, até se pode referir aos dois... existem 4 ou 5 respostas para seleccionar, a resposta dada é correta para um dos grupos a que concorreu, mas não o é para o outro. Se tivesse colocado outra resposta mantinha-se o problema, isto vai ordenar os docentes baseando-se em informações incorrectas, devido à força das circunstâncias, prestando assim, falsas declarações.





  • Alguns subcritérios referem experiência pedagógica ou avaliação de desempenho relativos ao ano letivo 2013/ 2014, quando o tempo de serviço só é contabilizado até 2012/2013, isto não faz sentido.






O que parece não causar dúvidas quanto à resposta ao seguinte subcritério:


No entanto é considerada a Avaliação do Desempenho para 2013/ 14 e não o tempo de serviço, não faz qualquer sentido






A BCE é exequível?

Professores contratados/ candidatos e Direções de Escolas e Agrupamentos de Escolas depressa perceberão o porquê da Bolsa de Contratação de Escola não ser exequível, se é que ainda não perceberam.







Sem comentários:

Enviar um comentário

Nota: só um membro deste blogue pode publicar um comentário.